Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Porto de Amato

Porto de abrigo, porto de inquietação, porto de resistência.

Porto de Amato

Porto de abrigo, porto de inquietação, porto de resistência.

Cavaco Silva, sem comentários

https://1.bp.blogspot.com/-Y1H1gFiDs_I/Tmjj7aNYviI/AAAAAAAAAH0/PNioVhun5Io/s1600/vciuieyi.jpg

 

Acontece, até, que eu não votei, porque estava num casamento de um familiar muito próximo na Escócia no próprio dia e por isso só acompanhei já na segunda-feira o que tinha aqui ocorrido.

— Cavaco Silva, 4 de outubro de 2017.

 

Nunca serei capaz de entender perfeitamente como o povo foi capaz de conceder a este personagem vinte anos de poder. Um péssimo exemplo, um horrível exemplo para a nossa “democracia”.

 

Os milhões de portugueses que, eleição após eleição, lhe entregaram o seu voto deviam ser intimados a pedir desculpas públicas ao país pelo que fizeram. Houvesse vergonha...

publicado às 16:43

Cavaco Silva e Carolina Salgado, dois mundos distintos, uma mesma educação

Hoje à tardinha, o nosso ex-Presidente da República e ex-Primeiro-Ministro, Aníbal Cavaco Silva, apresenta um novo livro no Centro Cultural de Belém. “Quinta-feira e outros dias”, é o título da obra que, curiosamente, é apresentada numa quinta-feira, o que é deveras engraçado, sublinhe-se. Nas palavras dos promotores da obra, trata-se de um “completar a prestação de contas aos portugueses”. Com base no que tem vindo a público com vista ao aguçar da curiosidade dos portugueses, acrescentaria que esta obra tem como objetivo completar também o programa da máquina de lavar roupa da antiga presidência, uma máquina que mistura todo o tipo de roupas sujas, os brancos com os pretos e os pretos com os coloridos, numa mixórdia que, normalmente, a boa educação desaconselha, já que acaba por estragar as peças de roupa.

 

Mas o que a obra faz de mais relevante é provar, para além de qualquer dúvida — e, por isso, fico eternamente grato ao autor da mesma —, que a diferença entre o antigo Presidente da República e Primeiro-Ministro de Portugal e uma qualquer ex-companheira de Pinto da Costa não é nenhuma: findo o cargo, cessam quaisquer putativas obrigações deontológicas ou simplesmente éticas e revelam-se os pormenores mais íntimos da atividade.

 

Não se pode considerar, por isso, a escrita deste livro de um modo distinto do da escrita do livro de Carolina Salgado sobre Pinto da Costa, nem se podem qualificar Cavaco Silva e Carolina Salgado, os autores, de um modo diverso. O que se diz de um, deve dizer-se do outro. O que se chama a um, deve-se chamar ao outro. Note-se, neste sentido, a feliz coincidência das iniciais idênticas no nome de ambos.

 

http://images-cdn.impresa.pt/expresso/2015-09-17-Cavaco_Carantonha.jpg?v=w620h395

 

Termino com uma expectativa. Espero que a Universidade Católica de Manuel Braga da Cruz, o reitor, que fará a apresentação do livro logo à tarde, abra uma nova cadeira, um dia destes, num dos próximos anos letivos, num desses pseudo-cursos sobre política que tem, para discutir esta mesma temática. Imagino e antecipo com entusiasmo a quantidade de teses de mestrado e de doutoramento interessantíssimas que daqui brotarão. Que tal este excelente título: Cavaco Silva e Carolina Salgado, dois mundos distintos, uma mesma educação? Aproveitem, mestrandos e doutorandos! Bom trabalho!

publicado às 14:34

Mais sobre mim

imagem de perfil

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2021
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2020
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2019
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2018
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2017
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2016
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2015
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2014
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub